Chapadão do Sul
Chapadão do Sul participou do seminário dos 60 anos da CNA
Quinta, 01 de Dezembro de 2011 - 14:42:11
Chapadão do Sul participou do seminário dos 60 anos da CNA

"Os Desafios do Brasil como 5ª Potência Mundial e o Papel do Agronegócio" foi o tema do seminário realizado no último dia 23 de novembro, no Espaço Unique, em Brasília, para comemorar os 60 anos da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e os 20 anos do Serviço Nacional de Aprendizagem (SENAR).

 

Chapadão do Sul esteve presente, através do Tesoureiro do Sindicato Rural, Roberto Andrade Filho (BETO)

 

Durante todo o dia foram discutidas, a distribuição da renda no campo, a nova política agrícola brasileira e os desafios e oportunidades do País para crescer mais e subir no ranking das grandes potências econômicas do planeta.

 

Participaram do seminário, a Presidente Dilma Russet, além de diversas autoridades do Governo federal, lideranças rurais, parlamentares e renomados especialistas em economia e agronegócio.

 

 A presidente da CNA, senadora Kátia Abreu, abriu o seminário ao lado do ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Mendes Ribeiro Filho.

 

Varias palestras ocorreram ao longo do dia, como por exemplo:

 

O presidente do Centro de Estudos Agrícolas da Fundação Getúlio Vargas (FGV), professor Mauro Lopes, que falou sobre o estudo inédito, encomendado pela CNA, sobre os perfis das classes de renda rural no Brasil (classes A/B, C e D/E).

 A pesquisa, realizada com base do último censo agropecuário do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra a distribuição do rendimento do produto rural, por região e município. O primeiro painel "Construindo um novo modelo de política agrícola".

 

O secretário-executivo do Ministério da Agricultura, José Carlos Vaz, do secretário-adjunto de Política Econômica do Ministério da Fazenda, Gilson Bittencourt e da superintendente técnica da CNA, Rosemeire Cristina dos Santos. Durante o painel, serão apresentados os fundamentos da nova política agrícola brasileira e haverá um resgate dos instrumentos de política agrícola utilizados nos últimos 80 anos no País.

 

 

"Os Desafios do Brasil como 5ª potência econômica mundial" teve como debatedores os economistas Armínio Fraga, ex-presidente do Banco Central e sócio-fundador da Gávea investimentos, e André Esteves, CEO do BTG Pactual, além do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Os especialistas discutiram o potencial da economia brasileira e a participação do agronegócio nesse processo.

 

HOMENAGENS

 

A presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), senadora Kátia Abreu, homenageou, quatro personalidades que se destacaram pelo trabalho e dedicação às questões do campo.

 

Na presença de um público de 1.500 pessoas presentes ao evento, foram distinguidos com diplomas de reconhecimento o ex-ministro da Agricultura, Alysson Paolinelli; o fundador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Eliseu Alves; e in memoriam ao ex-presidente da CNA, Antônio Ernesto de Salvo. O ministro do Esporte e deputado federal, Aldo Rebelo (PCdoB-SP), relator do novo Código Florestal brasileiro na Câmara dos Deputados, também foi homenageado como destaque político do ano.

 

Engenheiro agrônomo pela Universidade Federal de Lavras, Alysson Paolinelli foi ministro da Agricultura entre os anos 1974 a 1979. Especialista na produção agrícola do cerrado, Paolinelli tem uma história de vida que se confunde com a trajetória da moderna agricultura brasileira. O ex-ministro foi deputado constituinte e secretário de Estado da Agricultura de Minas Gerais por três vezes. Natural de Bambuí, no interior mineiro, também ex-presidente da CNA, contribuiu para a revolução da atividade agrícola promovida nas últimas décadas. Como deputado, defendeu as questões do setor na assembléia constituinte de 1988 e ajudou a fundar a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), umas das maiores responsáveis pela mudança de patamar da eficiência da produção agropecuária nacional.  Há dois anos, recebeu o prêmio World Food Prize, considerado o prêmio Nobel da alimentação. Hoje, aplica na própria fazenda uma das técnicas mais reconhecidas de aliança entre sustentabilidade ambiental e eficiência na produção, o sistema de Integração-Lavoura-Pecuária.

 

Com informações da assessoria de comunicação

ocorreionews
Fonte: ocorreionews
Post de: Nathally Bulhões
Enviar Comentar Imprimir Voltar Capa
© - Bulhões Digital. Todos os direitos reservados
www.bulhoesdigital.com.br
Fone: (67) 3260-1474 - Alcinóolis - MS